Memorial - Concepção

Como imaginar um espaço onde se possam acolher gerações de pessoas queridas, antepassados que criaram nosso DNA, onde acolherá nossa geração e de nossos filhos e netos?
Como resposta a essas indagações o Memorial começou a ser imaginado, a ser desenhado.

Árvores, pássaros, flores, água, sombra, vento, silêncio, descanso e paz, muita paz. Essas foram às primeiras palavras que surgiram…

O desafio foi transformar um espaço bruto em uma área acolhedora e que

conseguisse silenciar os ruídos do mundo e fosse capaz de levar ao eu interior, e assim, permitir momentos de saudades e oração.

A busca foi pela absoluta igualdade entre as pessoas e simplicidade de procedimentos. Acessórios e lápides padronizados. Apenas flores naturais sobre o verde de um amplo gramado.

Conheça nossos planos

Clique aqui